Majô Molieri
Brasil, 1989

Artista brasiliense explora a colagem como suporte para sua poética artística com forte carga feminista. Suas obras originais revelam uma jornada íntima em busca de compreensão, sororidade e representatividade.


Detail of Molieri's Artwork Detail of Molieri's Artwork

Quero Colecionar


Acostumada a dominar as palavras escritora, Majô Molieri decidiu enveredar pelos caminhos da arte visual e escolheu a colagem como porta de entrada.

Sua produção artística ainda é reflexo das descobertas conflitantes entre a própria poética, que dialoga com o contemporâneo, e técnica. Algo que a colagem permite.



Detail of Molieri's Artwork


Motivos para colecionar Majô Molieri

Por Janu Schwab

Dos artistas iniciantes, Majô Molieri é uma das minhas favoritas. Sua poética evolui rapidamente. Isso fica explícito a cada nova leva de obras originais.

Partindo da arte figurativa, um berço confortável para qualquer artista, Majô já se aventura nas colagens abstratas — o que denota maturidade artística.

Para Majô, a colagem não é apenas uma técnica. A artista encara os resultados de suas experiências com papéis, tesouras, colas, tinta e palavras um meio de luta.

Inserir uma obra de Majô Molieri em sua coleção é, antes de mais nada, mostrar-se pronto para calar e ouvir o que ela tem a dizer.



Você também precisa conhecer